Cibersegurança: Adoção de uma infraestrutura segura – Planus

Cibersegurança: Adoção de uma infraestrutura segura

21/01/2020

Cibersegurança: Adoção de uma infraestrutura segura

A bola de cristal das previsões de segurança cibernética para 2020 já deixou claro para todos nós: as ameaças existentes vão piorar e outras novas vão surgir.

O conceito de “perímetro digital”, ou a fronteira entre sistemas e informações internas e o mundo exterior, mudou drasticamente. Entre 1990 e 2010, o foco estava na proteção de um perímetro bem definido, construindo “muros maiores” para manter os bandidos afastados.

No entanto, essa abordagem não é mais apropriada porque a mobilidade, a nuvem e o acesso remoto constante aos sistemas internos tornaram obsoleto o antigo conceito de um verdadeiro perímetro.

Repensar a segurança da infraestrutura computacional das empresas é essencial para a construção de uma nova estratégia de segurança cibernética que funcionará agora e no futuro.

O ponto de partida é reconhecer a necessidade de tratar todos os dispositivos móveis e usuários como se estivessem realmente fora da proteção do firewall. Essa abordagem nos leva a definir que a Internet como o novo perímetro.

O foco principal passa agora pela construção de uma infraestrutura segura, protegendo aplicativos e conteúdo. Essa abordagem permite que a equipe de segurança e TI construa padrões de proteção e uso específicos de aplicativos, baseados nas políticas específicas mais bem alinhadas ao aplicativo e nas informações contidas nele.

Quando as ameaças cibernéticas são nebulosas, como você pode planejar?

Para que as defesas de segurança tenham alguma chance de trabalhar contra ameaças cibernéticas, os profissionais de TI precisam permanecer na ofensiva.

As tecnologias avançadas melhoraram definitivamente os recursos de resposta à incidentes, dando esperança aos profissionais de segurança cibernética envolvidos em uma luta aparentemente interminável para combater ataques à sua infraestrutura e dados vitais.

Porém, já se foram os dias em que uma excelente segurança significava fortalecer o perímetro com a melhor tecnologia disponível, mantendo-se a par das novas ferramentas de segurança de TI.

Esses ainda são elementos cruciais para o planejamento do programa de segurança. Mas manter as defesas fortes também exige imaginar o que poderia dar errado e empregar toda a nossa criatividade para nos prepararmos para isso.

Construindo defesas para uma infraestrutura segura

Para criar defesas adequadas, gestores e times de infraestrutura devem começar assumindo que um ataque cibernético é iminente. Em seguida, eles devem criar uma defesa cibernética integrada e unificada que melhor proteja todos os ativos de infraestrutura relevantes.

Passar pelo processo de identificação do que é relevante geralmente exige que o proprietário ou responsável pelo ativo entenda que a infraestrutura de suporte também é vulnerável e garanta que ela esteja razoavelmente protegida.

Ao começar com o pressuposto de que um futuro ataque cibernético vai degradar, desativar ou destruir a funcionalidade chave da infraestrutura de sua empresa, o time de TI pode agir cedo para aumentar a resiliência em seus sistemas.

Por exemplo, os backups podem ser implementados para componentes conectados críticos, os computadores podem ser projetados para responder de forma adequada quando comprometidos, e os exercícios de preparação podem treinar os operadores a agir decisivamente para garantir que os ataques cibernéticos não possam comprometer a infraestrutura conectada para ameaçar vidas ou propriedades.

Além disso, ao planejar a resposta a incidentes, os líderes devem procurar ir além de sua experiência e buscar as lições aprendidas com os incidentes que causaram interrupções em outros setores da economia e diferentes portes de empresa.

Uma defesa integrada é a solução

A possível violação de uma rede em uma instalação ou local crítico de infraestrutura pode ser catastrófica, com efeitos que podem ser sentidos em vários segmentos críticos.

Quando se trata de proteger dispositivos e redes usados ​​em infraestrutura crítica, um dos maiores fatores é adquirir equipamentos de empresas que se comprometeram a aderir ao mais alto nível de melhores práticas para garantir a segurança e têm um histórico disso.

Outra chave para garantir a segurança cibernética de ponta a ponta de todos os dispositivos e sistemas interconectados é formar fortes parcerias com empresas que pensam da mesma forma que oferecem tecnologias complementares e estão igualmente comprometidas com a proteção de seus produtos.

Um terceiro componente principal da proteção de redes e dispositivos é implementar e aplicar políticas e procedimentos fortes para reduzir ou remover a probabilidade de que erros humanos minem a segurança forte.

Por fim, como observado, as ferramentas de gerenciamento de dispositivos podem facilitar a garantia de que todos os dispositivos sejam configurados de forma idêntica, de acordo com as políticas e procedimentos estabelecidos.

A cibersegurança eficaz consiste em avaliar constantemente os riscos e tomar as medidas apropriadas para mitigar essas ameaças. Trata-se de trabalhar com as pessoas certas, usar os produtos certos, tirar proveito da tecnologia apropriada e implementar e aderir às políticas corretas.

Ao manter isso em mente e a segurança cibernética em foco, você pode estar em melhor posição para proteger seu site crítico e seus ativos.

Para saber mais como adotar uma infraestrutura segura e aprimorar os processos de proteção e privacidade de dados de sua organização, entre em contato agora mesmo com os especialistas da Planus. Além da disponibilidade para tirar dúvidas, podemos ajudá-lo neste processo de melhoria. Entre em contato agora mesmo.

Sobre a Planus Cloud, Networking & Services

A Planus Cloud, Networking & Services é a unidade especializada em serviços e soluções da Planus Tecnologia, reconhecida como uma das maiores integradoras de tecnologia do Brasil, presente no mercado há 32 anos.

Com um perfil consultivo e forte embasamento para orientar os seus clientes sobre o melhor horizonte a seguir, a Planus Cloud, Networking & Services tem como um dos grandes diferenciais a capacidade de atender as necessidades específicas de cada um deles, seja no modelo tradicional On Premise, no modelo Híbrido ou Cloud.

Atua em projetos de ponta a ponta, o que inclui Disaster Recovery, Backup as a Service, alta disponibilidade, soluções de Cloud Services, Networking, Telefonia as a Service, Management Services, Suporte e Manutenção de Hardware, Software e rede, Serviços de gestão de service desk, até toda a estratégia e implantação de projetos.

RELATED POST

RELATED POST
29/09/2020

Colabore em qualquer lugar com segurança

À medida que a pandemia COVID-19 continua a se espalhar e as [more]

29/09/2020

Como manter as aplicações essenciais para o negócio nesse momento de crise

O impacto significativo do COVID-19 levou as empresas a embarcar em uma [more]

22/09/2020

O novo normal exige uma nova adaptação as soluções de comunicação unificadas

Com a pandemia de Covid-19 redefinindo a maneira como as pessoas trabalham, [more]

Entre em contato com um de nossos especialistas de vendas:
(11) 2102-5400 - 0800-7222-7332

© 2017 – Planus. Todos os direitos reservados.