Disaster Recovery, sua empresa realmente precisa? – Planus

Disaster Recovery, sua empresa realmente precisa?

16/10/2018

Disaster Recovery, sua empresa realmente precisa?

De imediato a resposta que vem a cabeça para responder a você é sim, sem dúvida nenhuma, sua empresa precisa de uma solução de Disaster Recovery. A reação pode parecer exagerada, mas existem bons motivos para garantir que essa é a melhor resposta para o seu negócio.

O primeiro bom motivo é bem simples, sua empresa, seus concorrentes e principalmente seus clientes estão altamente conectados e realizando cada vez mais transações online. Não dá para fugir dessa realidade, ou seu negócio está na Internet de forma permanente ou sua empresa está fora do mercado.

Disaster Recovery aplicado aos negócios

Recuperação de desastre (DR) visa proteger as empresas contra os efeitos de eventos negativos significativos, permitindo que uma organização mantenha ou retome rapidamente funções de missão crítica após um desastre.

Em um conceito bem amplo, um desastre pode ser qualquer evento que coloque as operações de um negócio em risco, desde um ataque cibernético até falhas de equipamentos em decorrência de desastres naturais ou ataques virtuais. O objetivo principal do DR é que a empresa continue operando o mais próximo do normal possível.

O processo de recuperação de desastres inclui planejamento e testes e pode envolver um site físico ou virtualizado, separado de sua infraestrutura atual, visando restaurar operações em caso de real necessidade.

A recuperação de desastres se tornou crítico para todos os segmentos

À medida que as empresas se tornaram mais dependentes da alta disponibilidade e de diferentes tecnologias, a tolerância ao tempo de inatividade diminuiu.
Um desastre pode ter um efeito devastador para um negócio. Em caso de falhas, muitas empresas, de diferentes segmentos e tamanhos, passam por uma perda significativa de dados, dinheiro e credibilidade, mas, o Disaster Recovery pode ajudar.

Recovery Point Objective (RPO) e Recovery Time Objective (RTO) são duas medidas importantes na recuperação de desastres e no tempo de inatividade e que devem fazer parte do seu planejamento.

·    Recovery Point Objective (RPO)

O RPO é o tempo máximo dos arquivos que uma organização deve recuperar do armazenamento de backup para que as operações normais sejam retomadas após um desastre.

O objetivo do ponto de recuperação determina a frequência mínima dos backups . Por exemplo, se uma organização tiver um RPO de quatro horas, o sistema deverá fazer o backup pelo menos a cada quatro horas.

·    Recovery Time Objective (RTO)

O RTO é o tempo máximo, após um desastre ou ataque virtual, para uma empresa recuperar arquivos do armazenamento de backup e retomar as operações normais.

Em outras palavras, o objetivo do tempo de recuperação é a quantidade máxima de tempo de inatividade que uma organização pode manipular. Se uma organização tiver um RTO de duas horas, ela não poderá ficar inativa por mais tempo do que isso.

O RPO e o RTO ajudam os gestores e times de TI a escolher estratégias, tecnologias e procedimentos de recuperação de desastre ideais, de acordo com cada tipo de negócio online.

Preparar-se para um desastre requer uma abordagem abrangente que engloba ativos de hardware e software, equipamentos de rede, energia, conectividade e testes que assegurem que a DR seja alcançável dentro dos objetivos de RTO e RPO.

Apesar da implementação de um plano completo de Disaster Recovery não seja uma tarefa simples, os benefícios são significativos quando se pensa na garantia do negócio.

Planejamento e estratégia são fundamentais para a recuperação de desastres das empresas

Um plano de recuperação de desastres fornece uma abordagem estruturada para responder a incidentes não planejados que ameaçam a infraestrutura de tecnologia de uma empresa, incluindo hardware e software, redes, procedimentos e principalmente  pessoas.

Desta forma, o planejamento correto fornece estratégias de recuperação de desastres passo a passo para recuperar sistemas e redes interrompidos, buscando minimizar os impactos negativos nas operações da empresa.

assim, uma avaliação de risco identifica ameaças potenciais à infraestrutura de TI. O plano de DR descreve como recuperar os elementos mais importantes para a empresa.

Agora que você entendeu basicamente o quanto a recuperação de desastres é fundamental para seu negócio que tal partir para os próximos passos?

Você percebeu durante leitura a importância do planejamento? Siga com sua preparação para implementação de solução de recuperação de desastres elaborando um planejamento estratégico visando garantir a produtividade e eficiência de sua empresa.

Caso ainda existam dúvidas a respeito do assunto, entre em contato com os nossos especialistas para maiores informações e dicas valiosas. Inscreva-se em nosso blog e não perca as novidades.

Entre em contato com um de nossos especialistas de vendas:
(11) 2102-5400 - 0800-7222-7332

© 2017 – Planus. Todos os direitos reservados.